Rua Silva Bueno, 599 - sala 1104 - Ipiranga - SP 13 3233-4587 13 3054-8383 11 96351-0335

Comissão Especial de Vereadores em Cubatão irá discutir desdobramentos de incêndio

Gostou? compartilhe!

Comissão Especial de Vereadores em Cubatão irá discutir desdobramentos de incêndio

Continue Lendo

As causas, consequências e as possíveis soluções a serem implementadas em decorrência do incêndio que atingiu por oito dias o Terminal Industrial da Ultracargo, na Alemoa, em Santos, serão discutidas por uma Comissão Especial de Vereadores (CEV), a partir da próxima quinta-feira (16). A primeira reunião da Câmara para tratar do assunto está marcada para as 10 horas, no Anfiteatro da Casa Legislativa. 

No primeiro encontro, serão ouvidas diversas autoridades do Município e da região, que aprofundarão o debate em torno dos danos ambientais e sociais causados pelo incêndio.

A necessidade de um plano de emergência em situações de risco será um dos alvos da discussão.

Como a área atingida pelo incêndio se encontra próxima à divisa com a Cidade, ocorreu grande mortandade de peixes no Rio Casqueiro e arredores. Os efeitos disso para os pescadores locais também serão pautados na reunião.

A CEV é presidida pelo vereador Severino Tarcício (PSB), o Doda, e conta com a participação de todos os vereadores da Câmara. 

 

Incêndio 

Ao todo, foram mais de 197 horas de incêndio, que começou por volta das 10 horas do dia 2 de abril. O episódio foi considerado o maior em região industrial do País e o segundo maior do gênero da história mundial, em volume de pessoal empregado, combatido por bombeiros – 118 homens, ante 180 em decorrência de 2005, na Inglaterra. 

Corpo de Bombeiros, Prefeitura, Defesa Civil, Marinha, Exército e Aeronáutica concentraram suas ações para apagar as imensas chamas vistas de várias cidades da Baixada Santista.

O incêndio, além de provocar a morte de cerca de 8 toneladas de peixes, sendo 3 toneladas só em Cubatão, também afetou o tráfego de caminhões, a atracação de navios no Porto de Santos e mudou a rotina de moradores da região.  

 

Fonte: A Tribuna



Gostou? compartilhe!

Whatsapp Wohlers Cargo Whatsapp Wohlers Cargo