Rua Silva Bueno, 599 - sala 1104 - Ipiranga - SP 13 3233-4587 11 3054-8383 13 96351-0335

Comércio exterior não pode ser uma válvula de escape

Gostou? compartilhe!

Comércio exterior não pode ser uma válvula de escape

Continue Lendo

Ao abrir o Enaex 2016 (Encontro Nacional de Comércio Exterior), o presidente da AEB (Associação de Comércio Exterior), José Augusto de Castro, afirmou que o fato de o câmbio não ser uma variável “controlável” faz com que seja primordial para o crescimento do comércio exterior no País ater-se aos custos. Segundo Castro, o Brasil ainda precisa “rezar” para que a China continue comprando as nossas commodities, agora que o Brexit e a eleição de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos devem reduzir o avanço do comércio mundial.

O evento começou nesta quarta-feira (23) no Rio de Janeiro, e tem duração de dois dias. Também participaram da abertura o ministro interino do MDIC, Marcos Jorge de Lima; os embaixadores do Brasil nos Estados Unidos, Sergio Amaral, e na China, Marcos Caramuru, bem como o vice-presidente da Firjan, Carlos Mariani Bittencourt; o presidente da CNA, Antônio Mello Alvarenga; e os ex-ministros Ernane Galvêas e João Paulo dos Reis Velloso.

José Augusto de Castro ressaltou que custo Brasil ainda é muito elevado e encarece as exportações brasileiras entre 30 e 35%. Citou como necessidades para melhorar a competitividade do País as reformas tributária, trabalhista, previdenciária, além da necessidade de mais investimentos em infraestrutura, principalmente na área portuária. Porém, alertou para a necessidade de integração: Qualquer mudança depende de nós mesmos



Gostou? compartilhe!

Whatsapp Wohlers Cargo Whatsapp Wohlers Cargo